Publicidade

Uma família poços-caldense está fazendo sucesso na internet. Recentemente, um vídeo no qual o pai leva a filha de 9 anos para tomar sorvete viralizou.

A Família Inez é formada pelo pai Paulo, a mãe Juilene e as filhas Maria Eduarda, Kaylane, Camilly, Kauane e Katelyn. As publicações começaram há apenas cinco meses, mas já possuem números expressivos, com 35,5 mil seguidores no Instagram, 45,5 mil inscritos no canal do Youtube e quase 800 mil seguidores no Tik Tok, com milhões de curtidas nos vídeos.

Kaylane é quem conta para a reportagem a trajetória meteórica da família na internet. Ela explica que as filhas do casal sempre acompanharam as dificuldades da vida do pai, que é pintor, e tem cinco filhas para criar. “Então em uma fase difícil da vida dele nós pensamos em muitas possibilidades de ajudar e nenhuma de nós trabalhávamos, então foi difícil pensar em algo. Foi então que tive a ideia de criar um perfil pra ele no Tik Tok, por saber que a visibilidade lá é bem alta e então criei”.

Reação do pai chamou a atenção da internet com mais de 7 milhões de visualizações

Um dia Kaylane resolveu filmar a reação do pai ao ver o novo cabelo da filha. O vídeo alcançou a marca de 7 milhões de visualizações. Depois ela gravou o passeio de Katelyn, de 9 anos, para tomar uma casquinha de sorvete no McDonald’s. Mais de um milhão de visualizações em dois dias.

Todo o sucesso é atribuído pela adolescente à essência da família. “Mostramos a nossa família da forma que ela é: humilde, simples e com muito amor. E também por mostramos um pai presente, que pra muitos isso é surreal. É muito triste ver o tanto de comentários de pessoas falando que não têm um pai presente. Somos gratos a todos que se identificam com a gente e não ligamos para os números e sim pra mensagem que passamos com os nossos vídeos”.

Mesmo assim, Kaylane conta que a família recebe comentários negativos, inclusive no vídeo do sorvete. “Pequenos gestos importam na vida de uma criança! Foi um dia atípico, não era um final de semana, era um dia de trabalho comum do meu pai e isso foi surpresa para ela. É muito chato as pessoas criticarem algo tão puro e singelo, não imaginávamos que eles iriam criticar isso”, pontua.

Financeiramente a família ainda não teve retorno com as redes sociais. Recentemente conseguiram monetizar o canal no Youtube e as meninas estão ansiosas pelo primeiro pagamento que, segundo Kaylane, vai ser todo entregue para o pai. A longo prazo a família tem vários planos, mas o principal é permitir que o pai pare com o serviço de pintor, que já faz há 15 anos.

Publicidade

Quer receber as notícias do Poços Já direto no WhatsApp?

Clique aqui e entre em um de nossos grupos.