A pequena Evelyn Vitória, de apenas um ano e oito meses, foi encontrada após passar mais de 14 horas desaparecida. A notícia trouxe alívio não só para a família, mas para todos que acompanharam a história. A Polícia Civil acompanha o caso e deve abrir investigação se houver indício de crime.

Publicidade

Era por volta das 6h30 da última quinta-feira (15), quando a criança, que acompanhava os pais na lavora, desapareceu. Órgãos de segurança, Corpo de Bombeiros e Polícia Militar foram mobilizados para a realização das buscas e se deslocaram para o local com forte aparato. Militares acompanhados de dois helicópteros e cães farejadores percorreram o cafezal à procura da menina, mas nenhum vestígio foi encontrado.

A operação contou com a ajuda de voluntários, que não pararam nem mesmo quando os agentes de segurança interromperam as buscas, em razão da falta de visibilidade noturna e de rastros para seguir. O pai de Evelyn participou efetivamente das buscas. Foi ele quem encontrou a menina, próximo ao local onde tinha sido vista na última vez, em meio a mato e espinhos.

De acordo com a Polícia Civil, após ser encontrada, a criança foi encaminhada para atendimento médico. Foi atestada a boa integridade física da criança, sem lesões, inclusive sexuais. Ela sofreu apenas alguns arranhões.

Em nota, a Polícia Civil informou que “está analisando os fatos e, caso haja indício de crime, haverá investigação”.


Quer receber as notícias do Poços Já direto no WhatsApp?

Clique aqui e entre em um de nossos grupos.