Uma mulher de 24 anos teve o corpo queimado, no último sábado (2). Ela está internada na Santa Casa de Poços de Caldas e o suspeito de ter praticado o crime foi detido pela polícia, embora negue a autoria. Este é o segundo caso em Poços em que uma pessoa sofre queimaduras graves. A primeira foi hospitalizada na sexta-feira e sofreu queimaduras enquanto trabalhava na colheira de café e foi preparar seu almoço usando álcool.

Publicidade

O fato envolvendo o casal aconteceu em um apartamento, na rua Pernambuco. Uma vizinha disse ter ouvido o casal brigando e a mulher pedindo socorro. O Samu esteve no local e encaminhou a vítima para a Santa Casa com queimaduras profundas na região do tórax e da cabeça.

A Polícia Militar também esteve no local. O namorado da vítima e suspeito de ser o autor do crime foi detido. Ele é técnico em segurança e disse aos militares que a discussão começou quando ele tentou terminar o relacionamento com a mulher. Segundo o que ele disse à polícia, a namorada não teria aceitado e disse que se mataria caso isso acontecesse.

Pouco depois, ainda segundo o rapaz, ele ouviu a vítima, em outro cômodo do apartamento, gritando socorro. Chegando no local, o rapaz disse ter encontrado a mulher com fogo nos cabelos e na região do peito. O suspeito disse ter tentado de várias formas apagar as chamas, chegando, inclusive, a colocar a vítima embaixo do chuveiro. Depois, o rapaz disse que ligou para o Samu e ficou aguardando a chegada dos socorristas.

A Polícia Militar encontrou o apartamento todo desorganizado. Os policiais levaram o suspeito para prestar esclarecimentos na delegacia e deixaram os filhos dele aos cuidados de uma vizinha.

A polícia também esteve no hospital para ouvir a vítima, mas foram informados que ela estava entubada, com queimaduras profundas e que seu quadro clínico era bastante grave.

A vítima permanece hospitalizada e aguardando transferência para um hospital especializado no tratamento de queimaduras. Assim como a vítima que deu entrada na sexta-feira, na Santa Casa, não há previsão de transferência. Os dois casos aguardam o encaminhamento na fila do SUS Fácil.


Quer receber as notícias do Poços Já direto no WhatsApp?

Clique aqui e entre em um de nossos grupos.