Uma mulher de 25 anos foi levada para a delegacia após alertar sobre a realização de uma blitz de trânsito no último domingo (19), em Poços de Caldas. Ela encaminhou fotos e áudios para dois grupos, o que pode ser considerado um ato contra a segurança pública, segundo a Polícia Militar.

Publicidade

Ainda de acordo com a PM, a blitz ocorria na rua Goiânia. Policiais perceberam a diminuição do número de motocicletas passando pelo local e logo em seguida tomaram conhecimento que a operação estava sendo divulgada no WhatsApp. O conteúdo apresentava fotos do local da blitz e áudios.

Os militares tiveram acesso ao número que estava encaminhando tais mensagens e conseguiram chegar até o nome da suspeita, bem como ao seu endereço, no bairro Parque Pinheiros. Os policiais estiveram na casa dela e efetuaram a prisão.


Quer receber as notícias do Poços Já direto no WhatsApp?

Clique aqui e entre em um de nossos grupos.