A Polícia Civil de São João da Boa Vista (SP) já tem o nome e um mandado de prisão contra o principal suspeito de ter matado a estudante Mayara Roquetto Valentim, de 23 anos, no último domingo (15). O procurado é Michael Douglas da Silva, que antes deste crime teria tentado matar uma vizinha.

Mayara levou 28 facadas
Publicidade

Mayara saiu de casa por volta das 11h para caminhar na estrada Serra da Paulista e não retornou mais. Ela tinha o hábito de caminhar na região, que é uma área de mata. O corpo da estudante foi encontrado na noite daquele mesmo domingo, a apenas 3,8 km da casa dela, em uma ribanceira e com 28 facadas.

Alguns objetos foram arrecadados na mata levaram a polícia ao principal suspeito. Michael estaria no local para se esconder de outro crime. Ele tentou matar outra mulher, no sábado (14), quando ele teria atirado contra a vizinha em uma pensão, mas os disparos falharam. De acordo com a polícia, o rapaz sofre de esquizofrenia e tem passagens por violência doméstica e porte ilegal de armas.

Michael já tem um mandado de prisão em aberto

Um chinelo apreendido na mata foi reconhecido por familiares dele. Com a identificação de Michael, 45 policiais e cães farejadores estão na Serra da Paulista por acreditar que ele ainda esteja escondido na mata.


Quer receber as notícias do Poços Já direto no WhatsApp?

Clique aqui e entre em um de nossos grupos.