A Prefeitura de Poços de Caldas está buscando empresas interessadas em assumir o transporte público de maneira emergencial. O ofício com as especificações, assinado na segunda-feira (26), explica que o atual contrato, com a empresa Auto Onmibus Circullare, está para vencer, e a vencedora da licitação, Auto Onmibus Floramar, ainda está em período de contratação. A nova concessionária tem 120 dias para assumir, após a assinatura do contrato.

Publicidade

O atual contrato com a Circullare, também emergencial, termina no dia 21 de maio. A empresa já declarou que a partir desta data vai encerrar as atividades. A Secretaria Municipal de Comunicação, questionada pelo Poços Já, informou que a prefeitura “não foi notificada oficialmente sobre o encerramento das atividades da Circullare. Mesmo assim, todas as providências estão sendo tomadas para que a cidade não fique sem o serviço de transporte coletivo municipal, até que a empresa vencedora da licitação assuma”.

Segundo o secretário de Defesa Social, Rafael Conde, a manifestação de interesse em contratação emergencial é semelhante ao que já foi feito nos contratos anteriores, com o objetivo de buscar empresas interessadas até a Floramar iniciar as atividades. “Estamos aguardando se alguma empresa se interessa e qual será o melhor valor para a prestação de serviço. A partir desse retorno saberemos qual será o desfecho”, comentou o secretário.

As empresas devem se manifestar encaminhando orçamentos para o e-mail defesasocialpc@gmail.com até as 18 horas do dia 11 de maio. Entre as exigências para contratação estão a propriedade de 105 veículos com capacidades diversas e no máximo 15 anos de vida útil.

Vaga de Emprego
Vaga de Emprego
Vaga de Emprego

Quer receber as notícias do Poços Já direto no WhatsApp?

Clique aqui e entre em um de nossos grupos.