Duas mulheres foram flagradas por câmeras de segurança enquanto ludibriavam vítimas em Poços de Caldas em Alfenas. As imagens foram divulgadas nas redes sociais. A Polícia Militar ainda registrou outro golpe, em Poços, que também teria sido realizado pela dupla.

Publicidade

O primeiro registro aconteceu na terça-feira (2), em Poços, contra uma idosa de 70 anos. Ela saía de um estúdio na avenida Doutor Benedito Ottoni quando foi abordada por uma mulher de aproximadamente 30 anos, que segurava um cartão na mão e pedia ajuda para encontrar uma loja de móveis usados porque teria R$ 5 mil para receber em um brechó ao lado da loja.

Suspeitas foram flagradas por câmeras de segurança

A estelionatária conversava com a vítima quando a segunda golpista se aproximou e ofereceu ajuda,dizendo ser advogada. A suposta sortuda mostrou então um suposto bilhete premiado e disse que, por ser da roça, não sabia como proceder. Neste momento, a comparsa chamou as duas para entrarem no carro dela, para ligarem no banco e obterem as informações. A suposta advogada falou com um hipotético funcionário da Caixa, que teria confirmado o prêmio de R$ 16 milhões.

As estelionatárias e a vítima seguiram para a área central, com o objetivo de ir ao banco. A mulher que se passava por advogada parou o carro, desceu e voltou com uma bolsa contendo jóias e um envelope que teria dinheiro para que confiassem nela. Depois, pediram para a vítima também demonstrar sua boa fé para ser recompensada. A idosa levou as golpistas até sua casa e entregou a elas R$ 6 mil, que foram colocados no porta-malas do carro.

Quando seguiam pela avenida João Pinheiro, a primeira autora disse estar passando mal e pararam o carro, solicitando que a vítima buscasse água. A idosa desceu do carro e, ao retornar, já não encontrou mais as mulheres.

Confiantes, na manhã de quarta-feira (3) elas voltaram a agir. A vítima conta que estava na rua São Paulo quando uma das criminosas veio no sentido contrário gritando que havia perdido sua bolsa com R$ 20 mil e na sequência a outra criminosa disse ter achado a bolsa na calçada.

Fingindo agradecimento, a estelionatária se propôs a recompensar as mulheres e convidou ambas a irem em uma lanchonete, onde entregou um vale no valor de R$ 300 de uma loja. A vítima pegou o vale e deixou a lanchonete. No entanto, ela não levou sua bolsa, onde estava a quantia de R$ 3,8 mil. Quando desconfiou do golpe, as criminosas já haviam fugido com o dinheiro.

Familiares da vítima conseguiram imagens de circuito interno de câmeras que mostram as suspeitas. A Polícia Militar descobriu que a dupla já havia deixado a cidade e que teria cometido mais um golpe em Alfenas, onde foi roubada a bolsa de outra mulher, com documentos, celular e dinheiro.


Quer receber as notícias do Poços Já direto no WhatsApp?

Clique aqui e entre em um de nossos grupos.