O homem acusado de ter matado Cléber Jonathan dos Santos, de 28 anos, com dois tiros, no dia 15 de novembro, se apresentou na delegacia de Polícia Civil. Amadeu Junior, de 42, estava acompanhado por seu advogado e teve o mandado de prisão temporária cumprido, sendo encaminhado para o presídio de Botelhos na quarta-feira (25).

Publicidade

Segundo a Polícia Civil, o suspeito é integrante de uma organização criminosa e, no dia do crime, teria determinado toque de recolher no bairro São Sebastião. Ele alega que a vítima teria ido até a casa da sogra dele, em um carro com mais dois indivíduos, e dito que voltaria para matá-lo. Ainda assim, o suspeito alegou que não conhecia a vítima, nem os demais ocupantes do veículo.

Ele confessou ter efetuado os disparos, mas disse que perdeu a arma utilizada no crime durante a fuga. Outro suspeito está foragido.


Quer receber as notícias do Poços Já direto no WhatsApp?

Clique aqui e entre em um de nossos grupos.