Um cão encontrou um corpo em uma mata no Jardim Itamaraty V e chamou a atenção de dois adolescentes. Eles perceberam o desespero do animal, que latia incessantemente quando entrava na mata e se aproximava de um determinado ponto. Preocupados e desconfiados que o cão poderia estar querendo mostrar algo, os rapazes de 17 e 18 anos chamaram populares, que foram até o local, encontraram o corpo em estado de decomposição e acionaram a polícia.

Corpo foi levado para o IML para verificar a causa da morte (fotos: Jaderson rodrigues/Rota 21)

A Polícia Militar compareceu no local, que fica às margens da rua Miguel Calixto de Morais, e constatou a existência do corpo. Próximo, os policiais encontraram R$ 10, uma máscara e uma declaração de utilização de serviço, que possibilitou identificar a vítima como Benedito Paulo Ramos, de 47 anos, e descobrir que ele frequentava a Casa de Passagem Travessia, na Chácara Poços de Caldas. Os militares acionaram a perícia técnica da Polícia Civil.

Levantamentos iniciais da perita apontaram que o estado de decomposição do corpo indicava que ele estava naquele local há pelo menos 10 dias, mas não permitia dizer se Benedito foi ou não vítima de violência. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para passar por necropsia e identificar a causa da morte.