A insistência das chuvas dos últimos dias tem trazido problemas para moradores de Poços de Caldas e região. Nesta terça-feira (11), bombeiros trabalham em diversos pontos. O local mais crítico é o bairro Jardim Kennedy, onde famílias foram orientadas a deixar suas casas, já que uma das ruas estava alagada e a água continuava subindo.

De acordo com os bombeiros, na rua Magnesita os trabalhos começaram com o atendimento ao chamado de um idoso, acamado, que estaria preso em casa. No local os militares constataram que populares conseguiram resgatar a vítima e encaminhá-la para um local seguro.

Senhor acamado precisou de ajuda para sair de casa (fotos: Corpo de Bombeiros)

Na sequência foram realizadas vistorias e orientações, com monitoria constante da área. Após algumas horas a chuva deu uma trégua e a água baixou de 30 a 40 cm, permitindo que os moradores retornassem para casa.

Outra ocorrência atendida foi na região da avenida Pau Brasil, mais precisamente na rua Guatambu, onde parte do telhado de um imóvel cedeu e foi atestado o risco de desabamento pela Defesa Civil. A casa faz fundos com um barranco, que já cedeu em partes.

Muro coloca em risco residência na Zona Leste

Na rua Agreste o trabalho foi com relação a uma árvore, com risco de queda sobre uma residência.

Na avenida Remígio Prézia, em trecho no sentido bairro, o trânsito está sendo realizado em meia pista, após o barranco desabar, comprometendo parte da calçada.

Previsão do tempo

A Defesa Civil estadual já previa acúmulos de chuvas significativos para esta terça-feira. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) também classifica a previsão desta terça com alerta laranja, em razão da possibilidade de chuvas com volume entre 30 a 60 mm/h ou 50 a 100 mm/dia. Risco de alagamentos, deslizamentos de encostas, transbordamentos de rios e outros.

A previsão é que a chuva continue por mais uma semana.

Kennedy está sendo monitorado