Publicidade
Eagle Motos
Publicidade
Eagle Motos
Publicidade
Eagle Motos
Publicidade
Eagle Motos
Publicidade

Um casal, de 35 e 22 anos, fingiu que dormia quando percebeu que seria preso por trafico de drogas na tarde de terça-feira (4). A estratégia, claro, não deu certo, e os dois foram autuados em flagrante. Uma adolescente, de 16 anos, também foi apreendida.

Publicidade
Nafar
Publicidade
Nafar
Publicidade
Nafar
Publicidade
Nafar
Publicidade

O saldo da operação foi além das prisões, com apreensão de 149 buchas de maconha, 12 pedras de crack, quatro eppendorfs, uma faca, um pacote de saquinhos para embalar droga, um cartucho deflagrado de munição calibre .32, um celular, duas folhas de anotações referentes ao tráfico e R$ 378.

A ação desencadeada numa casa no bairro Vila Nova foi pensada após inúmeras denúncias. Equipes do Tático Móvel tinham informações do policiamento velado de que moradores da casa em questão tinham recebido uma carga de entorpecentes. Ao chegarem no endereço viram uma adolescente de 16 anos, que estava no portão, sair correndo. A garota foi alcançada e apreendida.

A equipe entrou no corredor externo da casa e viu um homem na janela. O suspeito teria então deixado o local e entrado em um cômodo, não respondendo ao chamado dos policiais.

No batente da janela foi deixada para trás uma bucha de maconha. Ao entrar na casa os militares encontraram o casal deitado sob um cobertor, em uma cama, fingindo que estava dormindo profundamente.

Durante a revista no imóvel todo o material descrito acima foi localizado. Aos policiais a adolescente detida alegou ser usuária de drogas, mas seu nome não constava nas anotações relativas ao tráfico, achadas na casa. Já os maiores não assumiram serem donos da droga. O trio foi levado para a delegacia, assim como o material.


Quer receber as notícias do Poços Já direto no WhatsApp?

Clique aqui e entre em um de nossos grupos.