Publicidade
Eagle Motos
Publicidade
Eagle Motos
Publicidade
Eagle Motos
Publicidade
Eagle Motos
Publicidade

Uma empresa foi vítima de uma fraude de mais de R$ 37 mil ao ter 27 toneladas de adubo adquiridas em seu CNPJ. Os criminosos ainda criaram um e-mail corporativo pago para realizar as transações.

Publicidade
Nafar
Publicidade
Nafar
Publicidade
Nafar
Publicidade
Nafar
Publicidade

O fato foi comunicado à Polícia Militar na tarde de quarta-feira (1°), quando o empresário, de 49 anos, e sócio da empresa Agropecuária e Mineradora Planalto descobriu o crime. Ele explicou que teria recebido uma ligação da empresa Indústria e Comércio de Adubos Brasil, informando que havia em aberto um boleto  no valor de R$ 37.530,00, relativo à compra de 27 toneladas de adubo. O empresário esclareceu que não havia adquirido tal produto.

A situação parecia estar normalizada, tratando-se apenas de um engano, mas, na semana seguinte, ele recebeu em seu estabelecimento um boleto no valor de R$ 31,80 referente à criação de um e-mail corporativo.

A vítima pesquisou o e-mail na internet e encontrou domínio do provedor, o nome de “agroplanaltomineradora.com.br”, situada na cidade de Atibaia/SP, e que desde então está tentando cancelar a suposta negociação, mas não consegue. O empresário solicitou uma cópia do contrato e percebeu que as assinaturas no documento não são nem suas nem de seu sócio.

Publicidade