- Publicidade -
17 C
Poços de Caldas

- Publicidade -

Complexo Santa Cruz será demolido em breve, afirma prefeito

- Publicidade -

Monotrilho, charretes, Complexo Santa Cruz: assuntos que geram polêmica em Poços de Caldas há muitos anos e ainda não foram resolvidos. Esta é a segunda reportagem que aborda a entrevista exclusiva feita pelo Poços Já com o prefeito Sérgio Azevedo (PSDB)

Complexo Santa Cruz

- Publicidade -
Promoção Social informou que trabalha no atendimento das pessoas que ocupam o prédio (foto: Juliano Borges/Poços Já)

O prédio do Complexo Santa Cruz, que abrigava secretarias municipais, foi desocupado em 2016 devido a problemas estruturais. Em 2023, o espaço foi entregue à empresa que atualmente constrói o Centro Administrativo como parte do pagamento pelo serviço. 

De acordo com Sérgio, o complexo será demolido em até dois meses. Além disso, o projeto de demolição, feito pela empresa, deve ser entregue à Secretaria Municipal de Planejamento ainda esta semana. 

Outro ponto importante é o que fazer com as pessoas que atualmente ocupam o prédio. A secretária municipal de Promoção Social Marcela Messias informou que desde dezembro estão sendo realizadas abordagens informando sobre a demolição e oferecendo a assistência prestada pelo município.

Monotrilho

Prefeito pretende conceder o monotrilho para a iniciativa privada (foto: Juliano Borges/Poços Já)

Por outro lado, o prefeito garante que a demolição do monotrilho está descartada. Pelo menos, essa é a última opção. Atualmente está sendo feito um estudo de viabilidade técnica e em seguida será avaliada a viabilidade econômica. 

A intenção é terceirizar o monotrilho. “Tenho que fazer um estudo, quanto que isso vai gerar de lucro para a empresa? Quanto a empresa tem que pagar para o município para ter direito a explorar esse equipamento? Vou tentar fazer que dê certo. Mas, se não der, vamos deixar bem engatilhado para que possa dar certo no próximo mandato”, comenta Sérgio. 

Charretes e carruagens elétricas

Carruagem elétrica foi apresentada em 2022 (foto: arquivo Poços Já)

A substituição das charretes de tração animal pelas carruagens elétricas foi anunciada em outubro de 2022. Na ocasião, o prefeito mostrou um protótipo desenvolvido pelo DME em parceria com a PUC Minas e o IFSuldeMinas. Porém, até o momento a iniciativa não foi implantada. 

Segundo Sérgio, o que falta agora é contratar a empresa que será responsável pela fabricação das carruagens. O chefe do Executivo ainda afirma que é possível implementar os novos veículos e extinguir as charretes na cidade ainda em 2024. 

A previsão é que este seja mais um atrativo turístico. “Nós tivemos relação com o império, Dom Pedro II esteve aqui, tem uma história em Poços de Caldas que remete às carruagens e é uma carruagem moderna, elétrica, gerada por energia solar. Todos que vierem a Poços de Caldas vão querer andar nas carruagens elétricas”, resume o prefeito.

Laboratório Prognose - Publicidade -
Laboratório Prognose - Publicidade -
Laboratório Prognose - Publicidade -
Laboratório Prognose - Publicidade -

Clique aqui para receber as notícias do Poços Já no WhatsApp.


Nafar - Publicidade -
Nafar - Publicidade -
Nafar - Publicidade -
Nafar - Publicidade -
Veja também
- Publicidade -












Mais do Poços Já
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Don`t copy text!