Publicidade

Nesta semana, a Câmara de Poços de Caldas aprovou o projeto de lei que institui o Programa Parada Segura. A proposta é de autoria do vereador Diney Lenon (PT) e tem como objetivo incentivar medidas que visem a segurança no transporte coletivo, em especial das mulheres.

Vereador Diney Lenon é responsável pelo projeto (foto: Câmara de Poços de Caldas)

De acordo com a matéria, os condutores dos veículos de transporte coletivo, após as 21 horas, devem parar os ônibus para possibilitar o desembarque dos passageiros em qualquer local onde seja permitido estacionamento, no trajeto regular da respectiva linha, mesmo que nele não haja ponto de parada regulamentado.

O projeto estabelece, ainda, que a empresa responsável pelo transporte coletivo orientará os motoristas e divulgará o assunto.

Segundo Diney, a proposta foi construída pelo coletivo Mulheres pela Democracia, uma organização social que luta pelos direitos das mulheres no município. “Foi uma honra ter apresentado essa norma. São medidas simples, mas que trazem um retorno muito significativo, pois garantem, no período noturno, quando ocorre maior incidência de casos de assédio, violência e situações de perigo, essa opção de solicitar uma parada segura. Os ônibus, muitas vezes, passam na porta da casa delas, mas o ponto está mais adiante. Então, vem contribuir com a segurança dessas mulheres e me orgulha muito ter representado a demanda construída e trazida pelo coletivo”, afirma.

Agora o projeto segue para sanção do prefeito Sérgio Azevedo (PSDB).

 

Laboratório Prognose
Publicidade
Laboratório Prognose
Publicidade
Laboratório Prognose
Publicidade
Laboratório Prognose
Publicidade

Quer receber as notícias do Poços Já direto no WhatsApp?

Clique aqui e entre em um de nossos grupos.


Nafar
Publicidade
Nafar
Publicidade
Nafar
Publicidade
Nafar
Publicidade