A Prefeitura de Poços de Caldas divulgou o resultado da pesquisa de opinião sobre o retorno das aulas presenciais na rede municipal. O formulário online foi respondido por 13.893 famílias dos alunos matriculados nos ensinos Fundamental e Médio, além da Educação Infantil.

A pergunta “No atual quadro da pandemia em nossa cidade, você levaria seu filho para a escola?” teve resposta negativa para 70,7% dos pais/responsáveis no Ensino Fundamental. Nesta etapa de ensino, 8.965 famílias participaram do levantamento.

Publicidade

Já na Educação Infantil (do Berçário I ao Jardim II), 67% dos 4.313 pais que responderam a pesquisa também não levariam os filhos para a escola. No Ensino Médio, os próprios estudantes responderam ao questionário e, diferente do que acontece no Ensino Fundamental e Educação Infantil, entre os adolescentes 50,7% responderam “sim” para a volta das aulas presenciais e 49,3% assinalaram que não voltariam presencialmente neste momento. No Ensino Médio, foram 615 respostas.

A pesquisa

A pesquisa foi aplicada de 25 de janeiro a 19 de fevereiro, por meio de um formulário disponibilizado via internet. Além de responder à questão principal, foi necessário indicar a unidade educacional onde o aluno está matriculado, turma e nome completo do estudante.

O objetivo foi levantar dados que auxiliem a Prefeitura na tomada de decisões sobre a possibilidade de retomada das aulas presenciais, no caso de uma flexibilização por parte do Governo do Estado de Minas Gerais.

Com o resultado, ainda não há data definida para o retorno das atividades presenciais na Rede Municipal de Ensino. Segundo a secretária municipal de Educação, Maria Helena Braga, o assunto será discutido novamente em reunião agendada para 8 de março. “Nossas aulas remotas, que tiveram início em 8 de fevereiro, continuam normalmente. Queremos agradecer a participação das famílias na pesquisa. Neste momento da pandemia, é fundamental que estejamos todos juntos em diálogo constante na busca por soluções assertivas e seguras”, destaca a professora.


Quer receber as notícias do Poços Já direto no WhatsApp?

Clique aqui e entre em um de nossos grupos.