O secretário de Saúde, Carlos Mosconi, voltou a falar sobre a pandemia em Poços, em vídeo divulgado à imprensa na manhã nesta terça-feira (4). Ele diz não estar otimista em relação a pandemia e que cuidados devem ser mantidos, em especial com os idosos.

Mosconi começa a gravação falando que precisa conversar sobre este momento vivido pelo mundo com relação a pandemia de covid-19. “Vejo as pessoas falando que aqui em Poços de Caldas as coisas estão caminhando bem e não estão ruins. Eu não posso ser otimista neste momento. Acredito que em nenhum lugar a situação está boa. Não está. Tivemos até agora 15 mortes”, destaca.

Dos 15 óbitos registrados no município desde o início da pandemia, apenas um foi de paciente sem doenças pré-existentes. “Vocês que são idosos e tem comorbidade, vocês que tem pais idosos com comorbidade, saibam disso e se cuidem. Temos uma população idosa significativa. A incidência maior de contaminados é de pessoas de 40 a 44 anos, mas ela é mais grave nos idosos. Então os idosos precisam permanecer em casa. Não saiam às ruas com facilidade e não frequentem locais com aglomeração”, recomenda.

O secretário ainda chama a atenção de jovens que possuem pessoas mais velhas em casa. Mosconi alerta para que tenham cuidado e não levem o vírus, evitando a transmissão domiciliar. “Existe um cansaço com relação a doença, mas é preciso que a gente entenda que não acabou. Embora não tenhamos tido pico, a curva de crescimento é constante, com registros de novos casos diários. A doença só vai melhorar quando chegar a vacina. Enquanto isso, temos que tomar cuidado. É importante que vocês sintam a questão”, enfatiza.

 

Veja o vídeo: