Alimentação balanceada é fundamental para o bom desempenho físico (foto: Rafael Santos/Poços Já)

No dia 29 de julho vou encarar a Meia Maratona das Águas, prova de 25 km que liga Poços de Caldas ao distrito de Pocinhos, em Caldas. Os treinamentos seguem fortes, mas um fator que está fazendo a diferença na minha evolução física é a alimentação adequada.

Após completar a Volta ao Cristo e perder quase 13 kg tive um relaxamento natural, tanto nos treinamentos quanto na alimentação. Me permiti alguns abusos, voltei a consumir álcool moderadamente e um pouco mais de carboidrato, já que ninguém é de ferro. O resultado disso veio rapidamente: perdi desempenho em treinamentos e cheguei a sentir fraqueza em alguns momentos.

Começando a preparação para a Meia Maratona das Águas, me consultei com a nutricionista Josiane Cardillo que, pensando nos meus treinamentos para a prova e na minha qualidade de vida, me cobrou que eu voltasse a me alimentar com qualidade, focando na alimentação saudável, da forma que fiz durante o primeiro projeto, perdendo peso e ganhando desempenho.

Nesse momento, retornou a parceria com o L’Itália Gourmet, um dos grandes responsáveis pelo sucesso do projeto Volta ao Cristo. O local, administrado pela empresária Ana Cristina Freitas, completou dois anos na última semana com a proposta inovadora de trazer o melhor da comida saudável na opção por quilo. O cardápio busca intercalar carnes, peixes e legumes, de uma forma harmoniosa e benéfica para o dia a dia. Usando bastante linhaça, chia e grãos germinados. Trocando, em vários pratos, a farinha branca pela farinha de arroz e pela farinha integral. Lembrando que a farinha branca é uma grande aliada da obesidade e inimiga da alimentação saudável.

Sucesso nos treinamentos

A adequação alimentar me deu rapidamente a percepção de melhora nos treinamentos. Percepção essa que também tiveram as gêmeas Silvia Guedes de Lima Brandão e Daniela Guedes de Lima Brandão, que treinam forte e optaram por uma vida saudável. Elas são vegetarianas e almoçam todos os dias no L’Itália.

As gêmeas Silvia Guedes de Lima Brandão e Daniela Guedes de Lima Brandão (foto: Rafael Santos/Poços já)

“Almoçávamos em outro lugar, mas não era o que a gente queria. Buscávamos essa alimentação  que usa mais óleo de côco e ingredientes mais saudáveis. Encontramos tudo isso no L’Itália que, além de tudo, traz muitas opções para quem é vegetariano”, explica Silvia.

“Treinamos de domingo a domingo. Mas é mais por questão de saúde que estamos preocupadas. Não é para ganhar corpo, é porque eu sei que é saudável comer comida de verdade”, completa Daniela.

Ana Cristina Freitas, proprietária do restaurante, comemora  o fato de ter conseguido, ao longo desses dois anos, proporcionar uma alimentação diferenciada para aqueles que buscam saúde. “Dois anos nessa empreitada de comida saudável, que a cada dia tem uma demanda maior. A tendência é que as pessoas procurem cada vez mais esse caminho e é isso que estamos conseguindo agregar. Buscando também ser uma opção para aqueles que têm alergias, como a lactose por exemplo. Esse é o contexto que o L’Itália Gourmet está inserido”, salienta Ana Cristina, que no vídeo abaixo bateu um papo comigo sobre a participação no Projeto Repórter Fitness.

 

Até o dia 29 de julho, quando acontece a Meia Maratona das Águas, o projeto Repórter Fitness traz, com o apoio do l’Itália Gourmet, várias dicas de alimentação para quem quer ter mais saúde. Fiquem ligados.

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA