Rafael Santos antes e depois do projeto repórter Fitness na Volta ao Cristo

Comecei em dezembro do ano passado o desafio Repórter Fitness na Volta ao Cristo, pesando 80.4 kg, sedentário, obeso e desanimado. Terminei a prova bem, 45 dias depois, em 2 horas, bem mais magro, com 73 kg. Perdi 13 kg dois meses depois do início do projeto. Um caso de sucesso, fruto do trabalho de grandes profissionais da saúde, que foram meus parceiros nessa primeira empreitada.

Agora, com ajuda desses e de novos parceiros, o desafio é manter o peso, ganhar mais massa magra e entrar em forma para disputar a Meia Maratona das Águas, que acontece no dia 29 de julho, com 25 km ligando Poços de Caldas ao distrito de Pocinhos, na cidade de Caldas.

Mudança física

Durante os 45 dias de treinamento para a Volta ao Cristo, tive o acompanhamento do professor Fernando Nascimento, com treinamentos de corrida e musculação, me ajudando a ganhar condicionamento físico. Com 80.4 Kg, no alto dos meus 1m62cm, estava muito obeso e sofri bastante nos primeiros treinos. Para perder peso, a nutricionista Josiane Cardillo me deu o caminho, em uma dieta low carb, com bastante proteína e opções saudáveis, que me foram garantidos pelo L’Itália Gourmet, restaurante tradicional de Poços que tem como meta difundir saúde e bem-estar, agregados ao sabor já conhecido. O restaurante me ajudou a perder peso, ao mesmo tempo que tinha a energia para aguentar os duros treinamentos.

A nutricionista Josiane Cardillo, fundamental nessa guerra contra a balança (foto: Rafael Santos/Poços Já)

Terminei a prova com 73,9 kg, bem mais magro e com bastante energia. Nos dias que sucederam a Volta ao Cristo continuei a perder peso, chegando a inimagináveis 67,1 kg, mas, já sem a alimentação adequada, comecei a perder força e me sentir mal durante os treinos. Continuei treinando, tirei o foco da alimentação e acabei ganhando 3 kg. Agora estou flutuando na faixa dos 70 kg e lutando para entrar em forma para um desafio muito maior que a Volta ao Cristo, que são os 25 km da Meia Maratona das Águas.

Daqui pra frente

Começando oficialmente a preparação para a prova, que acontece no dia 29 de julho, intensifico os treinamentos na Nafar, sigo no Studio Pilates Carvalho Oliveira e retomo a alimentação saudável no L’itália Gourmet. Com a ajuda da nutricionista Josiane Cardillo, vou buscar uma alimentação correta e, por consequência, trazer dicas para aqueles que querem se alimentar melhor.

Segundo o teste físico realizado pela nutricionista, minha composição corporal pode ser melhorada com aumento de massa magra e diminuição da gordura corporal, através de alimentação equilibrada e atividade física orientada. Confira meu resultado da Bioimpedância:

Gordura Corporal

O meu percentual de gordura corporal é de 20% do peso. A porcentagem normal de gordura corporal para uma pessoa com minhas características é de 16 a 20%. Existe uma quantidade mínima de gordura corporal para que o indivíduo seja classificado dentro de padrões normais de saúde, pois a gordura além de vincular importante vitaminas para nosso organismo, é também usada como protetora dos órgãos e precursora de importantes hormônios para o organismo. Uma porcentagem normal de gordura corporal está associada a uma boa saúde e aptidão física.

O meu peso de gordura corporal é de 14 kg. O nível de gordura deve ser reduzido principalmente na região abdominal, onde há maior concentração de gordura visceral, podendo levar a problemas como hipertensão, diabetes e hiperdislepidemia.

Massa magra

A minha porcentagem de massa magra corporal (órgãos, músculos, água muscular e ossos) é de 80% do peso, ou seja, 56 Kg. A massa magra, único tecido que promove gasto energético, é composta principalmente por água, músculos, órgãos, células sanguíneas e ossos. Quanto maior a massa magra, mais calorias o corpo pode consumir.

Minha relação entre massa magra e peso de gordura é de 2.7: 1. Isto significa que para cada 2.7 Kg de massa magra eu tenho 1 Kg de gordura. A relação ideal de massa magra em relação à gordura, para uma boa saúde no meu caso, é de 2.6: 1 ou maior.

Água corporal

A minha porcentagem ideal de água corporal é de 55 a 65% do peso. O meu peso de água corporal é de 43.4 Kg, com 22.5 Kg (52%) em compartimentos intracorpóreos e 20.8 Kg (48%) extracorpóreos. 

Durante o projeto Repórter Fitness na Meia Maratona das Águas vamos dar várias dicas de alimentação, nesse processo de tentar levar uma vida saudável para buscar grandes objetivos. Até a próxima!

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA