Patrocínio
A tocha foi conduzida pelo judoca vice-campeão olímpico Carlos Eduardo Honorato (foto: divulgação)

Os Jogos do Jogos dos Institutos Federais (JIF 2017) começaram a todo o vapor em Poços. A solenidade de abertura aconteceu na noite da última terça-feira (03), no Cenacon, reunindo estudantes, professores e autoridades de 34 instituições federais de ensino técnico e profissional de todas as regiões do Brasil.

Aproximadamente 1.500 pessoas prestigiaram o evento, que teve Carlos Honorato, judoca vice-campeão olímpico e campeão mundial, colocando foto na tocha que decretou o início da Etapa Nacional da disputa.

Patrocínio

Nesta quarta (04) tiveram início as competições, que acontecem em várias praças esportivas da cidade, nas modalidades de atletismo, natação, judô, vôlei de areia, tênis de mesa, futebol, xadrez, vôlei de quadra, handebol, futsal e basquete.

Jogos estão acontecendo em várias praças esportivas da cidade (foto: divulgação)

Cerimônia de abertura

Em um dos momentos mais empolgantes da cerimônia, as bandeiras de todos os estados brasileiros foram conduzidas pelos atletas e as delegações foram acolhidas no auditório do Centro de Convenções ao som de músicas interpretados pela fanfarra Professor Gabriel Vilas Boas, do IFSULDEMINAS – Campus Inconfidentes. A performance das balizas do campus foram aplaudidas pela plateia.

Todas as regiões do Brasil estão sendo representadas no JIF 2017 (foto: divulgação)

Sob a regência do maestro Juliano Marques Barreto, o Hino Nacional Brasileiro foi executado pelos músicos da Banda Sinfônica do Conservatório Musical de Poços de Caldas. O público, em pé, recebeu a bandeira oficial dos Jogos dos Institutos Federais conduzida pela estudante do IFSULDEMINAS – Campus Pouso Alegre, Bárbara Hellen, campeã mundial de Karatê, disputado em Agra, na Índia, e pelas campeãs da Etapa Nacional do JIF 2016, na modalidade xadrez, Jaqueline, Marina e Lígia, do Campus Muzambinho.

“É um momento muito importante para minha vida, porque depois de tanto esforço a gente consegue ver o reconhecimento”, comentou Bárbara, que tem as Olimpíadas de 2020 como meta. “O foco agora é buscar a classificação para as Olimpíadas de Tóquio,” confessou a aluna que treina quatro horas diárias, em meio aos estudos. “Concilio o treino com as aulas do ensino técnico integrado e dá tudo certo porque o IFSULDEMINAS ajuda bastante”, concluiu.

Carlos Honorato

O símbolo mais representativo dos jogos olímpicos, a tocha, foi conduzida pelo judoca vice-campeão olímpico e campeão mundial da categoria médio, Carlos Eduardo Honorato. Foi ele quem acendeu a pira. Honorato comentou sobre a satisfação de ser convidado para a honraria. “Fiquei muito honrado com o convite. Eu sei que posso incentivar muito os garotos que estão aqui, tanto no esporte, quanto na educação. Eu mostro para eles que todos são capazes”, disse o atleta, recordando sua origem humilde na periferia de Taboão da Serra (SP). “Saí de um bairro pobre e consegui atingir meu objetivo que é ganhar uma medalha”, comemorou.

Carlos Honorato é vice-campeão olímpico e campeão mundial de Judô (foto: divulgação)

A aluna do IFSULDEMINAS – Campus Machado, Sabrina Vieira Guerra, prestou o juramento do atleta. Acompanhada pelos competidores, a estudante jurou lealdade e dedicação, além de seguir as regras e respeitar as decisões do árbitro e da organização. As ginastas da equipe Volari de Ginástica Rítmica da Prefeitura de Poços de Caldas, coordenadas pelas técnicas Marcela Cristina Silva e Kellen Alves Generoso, exibiram uma série de exercícios corporais e cativaram o público pela simpatia, elasticidade e beleza.

 

A competição é promovida pelo Ministério da Educação, por meio da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica, com o apoio do Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica e parceria da Prefeitura Municipal de Poços de Caldas.

Chegada das delegações

Entusiasmo, confiança e ansiedade definem bem a chegada dos atletas no credenciamento da etapa nacional dos Jogos dos Institutos Federais (JIF 2017), realizado durante a terça-feira, 3 de outubro, em Poços de Caldas. Conforme os ônibus com as delegações chegavam ao Cenacom, os competidores se reuniam para fazer uma foto, ouvir uma música ou ensaiar um passinho de dança. Nem a chuva ou a distância atrapalharam a animação dos jogadores. A delegação do Instituto Federal Fluminense (IFF), por exemplo, viajou 12 horas de micro-ônibus. Os dez alunos que vieram disputarão xadrez, tênis de mesa, atletismo e vôlei. O professor que acompanha os estudantes, André Gonçalves Dias, contou que “eles se dedicaram bastante aos jogos intercampi e alcançaram resultados significativos”.

Atletas chegaram a Poços animados, mesmo após longas viagens (foto: Rafael Santos/Poços Já)

Os Jogos dos Institutos Federais são um momento destinado ao esporte, mas também uma oportunidade de os estudantes e professores conhecerem outras culturas, fazerem amizades e se divertirem. Foi isso que os 35 atletas do Instituto Federal do Tocantins (IFTO) fizeram. A delegação chegou dois dias antes do início da competição e logo trataram de “reconhecer o território”. “Hoje pela manhã já tinha gente na piscina, outros foram para academia e alguns estavam treinando na quadra. Tudo por causa do frio, né! Tem que treinar um pouco. Nós estávamos lá com quase 40 graus e chegamos aqui neste frio. Eles sentiram um pouquinho”, comentou a professora de Educação Física, Mayra Santos. A treinadora acrescentou ainda que muitos alunos nunca haviam viajado de avião e que todos estavam ansiosos para as competições iniciarem. “É o que eles almejam o ano todo, participar do Nacional. É muito bom vivenciar isso com eles, participar com eles”.

Patrocínio

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA