Patrocínio
Equipe feminina briga pelo título da categoria Sub-17 (Foto: divulgação)

O final de semana será de muito vôlei em Poços. A cidade recebe as finais da Liga Desportiva do Alto Rio Pardo (Lidarp), tanto no masculino quanto no feminino. Sábado (24), a partir das 14h30, no Ginásio Moleque César, Cascatinha, a equipe feminina da Secretaria Municipal de Esportes faz a final da categoria sub-17 contra o vencedor da partida entre Machado e Guaranésia, que jogam pela manhã. Já no domingo (25), às 10h30, no Ginásio Miguel Zanetti, é a vez da equipe masculina adulta brigar pelo título, contra Itaú de Minas.

O técnico da equipe feminina, Renato Souza, conta com o apoio da torcida para que as meninas de Poços consigam mais esse título. “Poços de Caldas foi a cidade escolhida para sediar as finais, pois conseguimos fazer a melhor campanha do campeonato, com a equipe chegando invicta  até a final. Estamos muito confiantes para este jogo, pois será a nossa primeira final do ano. A participação na Lidarp tem ajudado a nossa equipe a se preparar para outras competições importantes, como o Joju e a Liga Sanjoanense, nas quais estamos fazendo excelentes campanhas. Contamos com a participação de todos em mais esse desafio”, destaca o professor Renato Souza

Patrocínio

Masculino

Equipe masculina de vôlei de Poços (foto: divulgação)

Os jogos masculinos adultos acontecem durante a manhã de domingo (25), no Ginásio Miguel Zanetti, Nova Aurora, que já se acostumou a ser palco do vôlei de Poços. Às 9h acontece a disputa do terceiro lugar, entre Alfenas e Guaxupé. Logo depois, às 10h30, a equipe masculina de Poços enfrenta o time de Itaú de Minas. Ao meio dia tem a final do infantojuvenil, entre Guaxupé e Guaranésia.

O técnico da equipe de Poços, Alexandre Valverde, revela que vencer essa final contra Itaú de Minas é uma questão de honra para sua equipe. O time não conseguiu passar para a 2ª fase do Jimi.

“Essa final da Lidarp para nós tem um peso e um valor muito grande, já que nós não conseguimos a classificação para a 2ª fase do Jimi, o que nos deixou chateados e, ao mesmo tempo, cobrados. Então, nós queremos nos redimir diante aqueles que apostaram na gente, a própria Secretaria de Esportes, que nos dá total apoio. Então, nunca uma Lidarp foi tão importante para nós. Sabendo que vão vir meninos pesados do lado de lá. Vamos comer o chão, para vencermos e apagarmos nossa desclassificação do Jimi, que doeu muito na gente”, afirma Valverde, que lembra que no sábado (24), às 16h, também no Ginásio Miguel Zanetti,  a equipe da Smel/DME, da categoria infantojuvenil, enfrenta São João da Boa Vista em mais uma partida da Liga Sanjoanense.

Patrocínio

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA