Publicidade

Hoje em dia, com a fotografia digital ao alcance todos, é difícil imaginar como há pouco tempo era difícil tirar um retrato. Com o objetivo de resgatar a importância do desenvolvimento técnico e cultural da fotografia no decorrer da história, o Projeto Janela Mágica, com Patrocínio da Prefeitura Municipal de Poços de Caldas, através da Secretaria de Cultura,vai realizar uma viagem ao passado revivendo o tempo dos fotógrafos lambe-lambe.

Em parceria com o Foto Clube Lambe-Lambe, primeiro clube de fotógrafos lambe-lambe do Brasil, o Janela Mágica realiza o 1º Encontro de Fotógrafos Lambe-Lambe de Poços de Caldas, sábado (17) e domingo (18), na Praça Pedro Sanches. O evento, aberto a todos os interessados, curiosos e apaixonados por fotografia, receberá fotógrafos de diferentes partes do país.

Encontro será na Praça Pedro Sanches (fotos: divulgação)

O evento marca também o 2º encontro do Foto Clube Lambe-lambe que teve a sua fundação em 19 de agosto de 2018. No domingo, 18 de agosto, vai dar um viva ao “Dia Internacional com a Câmera Lambe-Lambe”, com o Lambe-Lambe Day. Como o próprio nome já diz, é comemorado em várias partes do mundo em uma ação que reúne os amantes da fotografia Lambe-lambe.

Durante os dois dias de encontro, o público poderá conhecer de perto como funciona algumas câmeras lambe-lambe originais da época e outras construídas atualmente pelos próprios fotógrafos. “Uma prova de que existe um movimento muito importante para que o ofício e a arte dos fotógrafos lambe-lambe perpetuem”, conta Sérgio Fernandes, idealizador do encontro em Poços de Caldas.

Esses personagens, com suas engenhosas câmeras-caixote, que eram ao mesmo tempo câmera fotográfica e laboratório para revelação, marcaram a história da fotografia, ao tornar os registros fotográficos mais acessíveis, trazendo com seus equipamentos mais mobilidade ao trabalho dos fotógrafos, que passaram a revelar suas fotografias ali mesmo, na praça, sem precisar recorrer a um laboratório.

Projeto Janela Mágica valoriza a tradição do lambe-lambe

O projeto também aproveita a ocasião para resgatar a história da fotografia em Poços de Caldas, contando um pouco da história da família Quinteiro e homenageando o saudoso fotógrafo Mário Quinteiro, que por décadas teve no coreto da Praça Pedro Sanches seu ponto de trabalho, registrando o cotidiano da cidade naqueles tempos áureos e fotografando importantes figuras que passaram por aqui, como Getúlio Vargas, Juscelino Kubistchek, Tony Ramos, Hebe Camargo e Lima Duarte, entre outros.

Programação

Sábado – das 10h às 17h

Atividades com a equipe do Projeto Janela Mágica e suas câmeras lambe-lambe.

Casarão

Publicidade
Casarão

Publicidade
Casarão

Publicidade
Casarão

Publicidade

Praça Pedro Sanches

Domingo – das 10h às 13h

Atividades com os fotógrafos lambe-lambe participantes do encontro.

Praça Pedro Sanches

Sobre o Projeto Janela Mágica

O Projeto Janela Mágica, criado em 2006 pelo arte-educador Sergio Fernandes, tem como principal objetivo promover conhecimento técnico, histórico e cultural através de oficinas itinerantes de fotografia analógica e experimental. Com o apoio de um trailer-laboratório, o Projeto já percorreu os quatro cantos de Poços de Caldas e outras cidades da região, levando um pouco da história da fotografia para escolas, praças, parques, instituições sociais e centros culturais.

A equipe do Projeto Janela Mágica é composta por: Sergio Fernandes – Idealizador do projeto e coordenador geral das atividades, Ana Clara Oliveira – Assessora de imprensa e auxiliar das oficinas, Bibi Rodriguez – Produtora, Miguel Fernandes – Ilustrador e auxiliar das oficinas.

Além das ações práticas, o Projeto também lançou algumas publicações: foram dois Catálogos Fotográficos com imagens Pinhole e dois Livros com informações teóricas e práticas sobre fotografia Pinhole.

Para saber mais e acompanhar as atividades do Projeto Janela Mágica, acesse a página oficial do projeto no Facebook. Para saber mais sobre o Foto Clube Lambe-lambe, acesse este link.

 

 

Publicidade