terça-feira , 24 outubro 2017
Cantina do Araújo

A Família Moreira Salles em Poços de Caldas


Olá a todos, hoje irei falar sobre a família que fez uma das mais importantes construções da história de Poços de Caldas, o estabelecimento comercial e bancário Casa Moreira Salles:

Como podemos ver, infelizmente o lugar já não existe mais, mas ela foi uma grande e importante construção na Rua Assis Figueiredo, pois foi o lugar onde começou o banco Itaú Unibanco no Brasil.

O estabelecimento foi fundado em 1919 e era uma loja que tinha de tudo: tecidos de todas as qualidades, armarinhos, finas confecções, alfaiataria, seções de secos e molhados, e a partir de 1924, começou a ter uma agência bancária.

O responsável pelo casarão foi o comerciante João Moreira Salles, que veio da cidade de Cambuí – Minas Gerais. Ele era casado com Lucrécia de Alcântara e tinha quatro filhos: Walther, Elza, Hélio e José Carlos.

A família de João Moreira Salles.

Entre seus filhos, Walther foi o que dirigiu a Casa Moreira Salles a partir de 1933. Ele tinha uma estratégia que fez com que seu negócio atingisse um grande sucesso: “Ao invés de disputar com os concorrentes, porque não propor alianças?”, foi assim que ele conseguiu absorver outros bancos e desta forma, o Banco Moreira Salles resultou em 1967 no “União dos Bancos Brasileiros S.A”, que mais tarde passou a ser denominado apenas como Unibanco. Por fim, em 2008 o Unibanco fundiu-se com o banco Itaú, tornando-se o Itaú Unibanco – Banco Múltiplo.

Walther foi empresário, banqueiro, diplomata, advogado brasileiro, chegou a ser diretor do Banco do Brasil, superintendente da Sumoc (Superintendência de Moeda e Crédito –  embrião do futuro Banco Central) e também embaixador do Brasil em Washington.

Por volta de 1982, o casarão da família Moreira Salles foi demolida em Poços de Caldas, dando lugar a estrutura moderna que temos hoje em dia. Infelizmente, esta modernização acabou matando um importante ponto histórico da família na cidade.

Mas em compensação, em 1992 foi fundado na cidade, a entidade de assistência à cultura do país, o Instituto Moreira Salles (IMS) / Casa da Cultura. Ele foi construído junto ao preservado chalé da família dos Procópios, feito em 1894 pelo engenheiro alemão Carlos Alberto Maywald e pelo arquiteto italiano Giovanni Battista Pansini. Além de Poços, o IMS também passou atender em Rio de Janeiro e em São Paulo.

Walther morreu aos 88 anos, por morte não revelada pela família. Ele deixou quatro filhos: Pedro Moreira Salles, atual presidente do conselho do Itaú Unibanco, o cineasta Walter Salles (de nome Walter Moreira Salles Júnior), o documentarista João Moreira Salles e  Fernando Roberto Moreira Salles, editor e presidente do Conselho da CBMM.

Bom, então essa foi a história de umas das importantes contribuições da família Moreira Salles para o comércio e cultura de Poços de Caldas. Mas se você quiser ver mais fotos e história sobre a edificação da Casa Moreira Salles, clique aqui neste link. E se você quiser saber mais sobre a Família Moreira Salles, clique então aqui neste link.

*Rafael E. Henrique é formado em Ciências da Computação em São José dos Campos e também tem uma paixão por história e fotografia, o que o levou a criar o site Resgatando Cidades e o Resgatando Poços de Caldas para mostrar comparações e pesquisas sobre o passado da cidade com a intenção de incentivar a sua preservação.

Cia Fit Food

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *