Publicidade
Rapper Renan Inquérito participou do evento.
Rapper Renan Inquérito participou do evento.

O teatro Beningo Gaiga recebeu o Encontro do Hip Hop, na tarde de terça-feira (29). O Encontro faz parte da programação do Festival Literário de Poços de Caldas, o Flipoços.

O evento teve a participação do movimento cultural Esquina, que faz intervenções culturais em bairros da periferia local. O público teve à disposição um megafone e o palco, para que todos pudessem declamar poesias no mais alto volume. O evento foi aberto pelo rapper Renan Inquérito, com poemas próprios e de autores conhecidos, como o poeta Zé da Luz.

A relação do hip hop com o Esquina é estreita, segundo a organizadora Tatiana Siqueira. “Trabalhamos bastante com a literatura marginal, a cultural marginal. O hip hop tem tudo a ver com o Esquina, com o que a gente gosta, que é ir para a periferia”.

O debate sobre hip hop teve a participação do rapper Kokinho, natural de São José dos Campos (SP). influenciado por Marcelo D2, o primeiro cd terá a mistura do rap com o samba. 

O público, formado por adolescentes, participou com entusiasmo do evento. “O hip hop em si é muito importante para a criança, para o adolescente, para o adulto, para um senhor, uma senhora. Ele consegue abranger todos os corações”, disse Kokinho. 

Publicidade