Publicidade
Eagle Motos
Publicidade
Eagle Motos
Publicidade
Eagle Motos
Publicidade
Eagle Motos
Publicidade

A Delegacia da Receita Federal em Poços de Caldas instituiu o Recinto Especial para Despacho Aduaneiro de Exportação (Redex) em 2019. Inaugurado em julho do ano passado, o recinto contabilizou U$ 3,7 milhões em exportação.

Publicidade
Nafar
Publicidade
Nafar
Publicidade
Nafar
Publicidade
Nafar
Publicidade

O Redex alavancou as exportações efetuadas por empresas locais e regionais. De janeiro a dezembro (2019) foram exportados U$ 3.768.195,00 em grãos e minérios. O recinto foi criado para facilitar o controle de liberação das cargas para o comércio exterior com diversas vantagens para os exportadores, principalmente a agilidade no desembaraço aduaneiro, porque reduz o tempo de espera nos portos.

O delegado da Receita Federal em Poços de Caldas, auditor-fiscal Michel Lopes Teodoro, informa que “a instalação do Redex em Poços de Caldas beneficiou não só os exportadores locais, como de toda a região. As verificações efetuadas neste recinto, pelos auditores-fiscais, dão grande celeridade às exportações, pois a liberação é efetuada no máximo em 24 horas. Consequentemente, essa agilidade na inspeção e na autorização para exportação diminui os custos de armazenagem e de também reduz, drasticamente, as filas de espera nos portos”

A Receita Federal também informa que o Redex em Poços de Caldas pode ser utilizado por quaisquer empresas que queiram exportar, independentemente de suas localizações. A intenção é aumentar ainda mais o fluxo de exportação em 2020.

Fonte: Delegacia da Receita Federal em Poços de Caldas.