Publicidade
Alunos do Lar Criança Feliz foram até a Barbearia Moderna (fotos: João Araújo/Poços Já)

A Barbearia Moderna, que fica na rua Junqueiras, recebeu convidados cheios de energia na quarta-feira (9). São os jovens atendidos pelo Lar Criança Feliz, clientes especiais e que tiveram uma experiência diferente em comemoração ao Dia das Crianças, comemorado no próximo sábado (12).

Segundo Rodrigo Emanuel, a barbearia já realiza trabalhos voluntários em outras ocasiões, levando seus profissionais para entidades como a Associação dos Deficientes Físicos de Poços de Caldas (Adefip), Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) e Unidade de Atendimento de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon). “Desta vez senti vontade de fazer algo diferente, trazer as crianças para conhecer a barbearia”, conta o empresário e barbeiro.

Rodrigo faz questão de exercer trabalho voluntário

Toda a equipe, com nove barbeiros, ficou à disposição das crianças, em duas sessões, de manhã e à tarde. As meninas também puderam cortar o cabelo e ainda aproveitar a manicure e a maquiadora que estavam no evento.

Publicidade

Rodrigo conta que faz questão de exercer trabalhos sociais. “Por que não dividir aquilo que sei com aqueles que precisam? Um dia me deparei com uma situação muito complicada. No comecinho da minha carreira, quando estava começando, eu cortei o cabelo de um menino que não tinha dinheiro, não tinha condições de pagar nem um corte de cabelo. Eu pensei que um dia, quando tivesse oportunidade, iria fazer mais”.

Toda a equipe da barbearia se empenhou na ação

A Associação Criança Feliz atende crianças do bairro São José, um dos mais carentes de Poços de Caldas. No contraturno escolar, são realizadas diversas atividades esportivas e educativas, com biblioteca, brinquedoteca, natação, atendimento odontológico e natação, sem contar o trabalho de fortalecimento de vínculos junto às famílias.

Para o professor de educação física Alex Nastrini Rodrigues, que acompanhou as crianças, esta é uma oportunidade que vai além do corte de cabelo. “Muitas vezes elas não saem muito do bairro, então é importante elas verem esse mundo e conhecerem mais a cidade, os profissionais, e de repente até se interessarem por essa profissão.Todos os parceiros e pessoas que ajudam são muito importantes para o Criança Feliz se manter em funcionamento”.