Publicidade

O sonho de muitos meninos ainda é ser jogador de futebol. Rafael de Assis Silva, de 11 anos, é um desses. Ele acaba de ser escolhido para participar de um campeonato em Barcelona, na Espanha, mas a família não tem dinheiro para custear todas as despesas de viagem. Para isso, os parentes criaram uma vaquinha na internet.

Rafael tem 11 anos e luta para conseguir ir para o exterior participar de campeonato (fotos: Arquivo Familiar)

Rafael estava com seis anos quando começou a se interessar mais assiduamente pelo futebol. Foi então que duas escolinhas o recrutaram, de forma totalmente gratuita, dentro do projeto Sementes do Futuro. Durante os treinos, as habilidades do garoto ficaram evidentes e com o destaque nos últimos jogos deste ano, o garoto foi convidado para participar de um campeonato em Barcelona.

A mãe Elaine Cristina de Assis conta que sempre levou o filho para praticar esportes porque o garoto demonstrava interesse, mas nunca imaginou que Rafael poderia ir tão longe. “Quando o treinador me avisou que ele tinha sido escolhido foi maravilhoso. É uma sensação única. Sempre apoiamos e criamos logísticas em casa para conseguir conciliar a rotina aos treinos. Mas, passada a adrenalina da alegria, analisamos a nossa realidade e concluímos que seria impossível custear tudo isso”, relata.

Publicidade

A família de Rafael decidiu não contar a ele sobre a escolha para não frustá-lo, mas não adiantou. “Ele viu no meu celular as conversas com o treinador e ficou bastante chateado. Foi então que resolvemos tentar”, explica Elaine.

Com o desejo do filho estampado nos olhos, a mãe decidiu pedir ajuda e foi orientada a fazer a vaquinha. Ela foi pra frente do computador e criou a campanha de arrecadação, que tem como objetivo conseguir R$ 20 mil. O valor supriria todas os gastos, que vão desde a emissão do passaporte aos custos de passagem, hospedagem e alimentação. Tudo foi calculado para possibilitar a ida do pequeno jogador a Espanha. “Se for preciso pedir dinheiro no semáforo, nós vamos. Faremos tudo para realizar o sonho dele”, relata a mãe.

No ar desde o dia 23, a vaquinha arrecadou R$ 90, valor muito pequeno diante de todas as despesas. Agora a mãe procura meios para divulgar a campanha e encontrar doadores. Paralelo a isso, a família do garoto está rifando uma camisa do São Paulo autografada, doada por um conhecido, e realizarão um bingo em breve. “A ajuda de todos é muito valiosa”, reforça.

Para doar por meio eletrônico basta clicar aqui. A família ainda disponibilizou uma conta para depósito no Banco do Brasil, agência 0309-3, conta-poupança 46.386-8. Mais informações pelo telefone (35) 99111-0969.

Família pede colaboração para realizar sonho do pequeno esportista