Publicidade

Uma operação nacional da Polícia Civil resultou no cumprimento de mandados de prisão em Poços de Caldas, nesta quinta-feira (9). Ainda não há informações oficiais sobre quem são os presos, mas trata-se de um esquema de peculato e lavagem de dinheiro, contra o Banco do Brasil, que acontecia nos estados de Goiás, São Paulo, Minas Gerais, Pernambuco, Paraná, Santa Catarina, Mato Grosso e Rio de Janeiro, além do distrito federal.

Ao todo, a Operação Crédito Viciado cumpriu 17 mandados de prisão temporária e 28 de busca e apreensão. O foco são funcionários do banco e empresários do setor de cobrança de dívidas.

As investigações começaram em janeiro, após executivos do Banco do Brasil terem sofrido ameaças por não renovar contratos com 117 empresas de cobrança. O esquema ocorreria a partir de um erro técnico, que permitia aos funcionários do banco repassar mais dinheiro do que o devido às empresas de cobrança. Em troca, eles recebiam propina.

Publicidade

A Polícia Civil de Poços de Caldas vai divulgar mais informações ainda hoje.