Publicidade

Uma autônoma de 54 anos caiu em um golpe após emprestar sua conta de telefone para o morador de seu antigo apartamento. Com o documento, o estelionatário teria reativado serviços de telefone fixo e internet.

O caso foi repassado para a Polícia Militar na tarde de terça-feira (12). A vítima disse que era cliente de uma operadora que fornece serviços de telefonia fixa e internet e que ao se mudar pediu a interrupção dos serviços.

Depois de algum tempo o zelador do prédio onde ela residia entrou em contato com o marido da autônoma informando que o novo inquilino do apartamento alegou que estava com problemas para ligar o telefone e queria saber se eles não emprestavam uma conta, que inclusive estava com o zelador, para que ele entrasse em contato com a operadora e resolvesse a questão.

Publicidade

Sem desconfiar de que pudesse cair em um golpe, o casal forneceu o documento. Meses depois, ao retornar ao prédio para buscar contas que ainda são enviadas ao endereço, a mulher descobriu que havia caído em um golpe. O novo inquilino mandou religar a conta de telefone em nome da vítima, sem o consentimento dela e, além disso, havia deixado de pagar as contas.

Foi registrado boletim de ocorrência e a vítima orientada.

Publicidade