Publicidade

Na quinta-feira (12), a DME Distribuição mobilizou algumas equipes para vistoriar possíveis irregularidades referentes ao consumo de energia elétrica na Zona Leste de Poços de Caldas. Foram registrados casos envolvendo ligações clandestinas, religações indevidas e fraudes em medidores de energia.

Ligações clandestinas e religações indevidas são consideradas furto de energia, pois são realizadas sem o conhecimento da distribuidora. A fraude ocorre quando o cliente rompe o lacre do medidor, para manipular o consumo. Tanto o furto quanto a fraude são crimes previstos no Código Penal.

Quando isso ocorre é realizada a interrupção do fornecimento de energia elétrica, até a regularização do problema identificado na unidade consumidora. A DMED realiza inspeções periódicas para evitar essas práticas, que acabam trazendo prejuízos financeiros para a empresa e aos seus consumidores. A segurança também é comprometida, aumentando o risco de acidentes e danos elétricos nas redes da distribuidora e nas instalações internas dos consumidores.

Publicidade

*Fonte: assessoria de comunicação da DME Distribuição

Publicidade