quarta-feira , 18 Abril 2018
SuperVale Supermercados

Policial de Campestre é procurado por matar ex a tiros e fugir com filha

Crime aconteceu na cidade de Santos Dumont, na Zona da Mata


Uma mulher de 29 anos foi morta a tiros na noite deste sábado (14), no Bairro Córrego do Ouro, em Santos Dumont, na Zona da Mata mineira. O autor do crime é o soldado da Polícia Militar, Gilberto Novaes, lotado em Campestre. Após a execução ele fugiu levando a filha de quatro anos. Buscas estão sendo feitas pela própria PM e pela Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Stefhania e Gilberto tinha rompido em razão das brigas frequentes (foto: Divulgação)

De acordo com informações da PMMG, o soldado está armado e foge em um automóvel Fiat Palio, de placa GWK-1390, cor cinza escuro. Um alerta foi emitido para todo o estado. O soldado já tinha ordem judicial para se manter longe da companheira, em razão das brigas constantes entre o casal. A corporação ainda acompanhava o caso com as chamadas “visitas tranquilizadoras” que visam garantir a proteção da vítima.

O soldado matou a tiros a ex-companheira, Sthefania Ferreira, de 29 anos, na casa dela, no Bairro Córrego de Ouro, em Santos Dumont. Gilberto se aproveitou quando a ex deixou a casa para receber uma pizza para atirar. Após a execução ele deixou o local com a filha no colo.

O militar, estava lotado na companhia de polícia de Campestre, que pertence ao 29º Batalhão, de Poços de Caldas, vinha recebendo atendimento psicológico e estava afastado.

SuperSeg

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.