quinta-feira , 17 agosto 2017
Tati Morais

Rapaz baleado se recusa a receber polícia no hospital

Em documento manuscrito ele se compromete a ir até delegacia quando receber alta.


A vítima de um disparo de arma de fogo, efetuado por um policial rodoviário federal durante a noite de quarta-feira (31), se recusou a receber investigadores em seu quarto de hospital nesta quinta-feira (1°).

Pedro Henrique Araújo de Souza, de 23 anos, escreveu em um papel que prestará depoimento quando tiver alta do hospital. O jovem teria sido baleado após fugir de um acidente e colocar pedestres em risco. Segundo a Polícia Militar, ele foi seguido pelo policial Vanderlei Donizetti de Rezende , que reagiu com o disparo a uma suposta agressão.

Publicidade

De acordo com a Polícia Civil, Vanderlei prestou depoimento e foi liberado. Em seguida, dois investigadores foram encaminhados ao Hospital Poços de Caldas para ouvir a versão da vítima.

Na portaria, os policiais se identificaram e solicitaram que a presença deles fosse informada ao paciente e seus familiares. Porém, o retorno foi negativo. Os funcionários informaram que Pedro não receberia a equipe. Foi solicitado então que a vítima deixasse o desejo registrado por escrito.

App Poços Já

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.