Publicidade
Placas eletrônicas são desenvolvidas e fabricadas pela Embtech (fotos: Juliano Borges/Poços Já)

Poços de Caldas é sede de uma empresa de alta tecnologia, que talvez até esteja em aparelhos dentro da sua casa. É a Embtech, que projeta e fabrica placas eletrônicas com softwares embutidos.

Isso quer dizer que a sua geladeira, o forno de um restaurante ou qualquer outro produto eletrônico, pode ter componentes fabricados no galpão da empresa, que fica no bairro Country Club. Sabe aquelas plaquinhas verdes, que ficam dentro dos aparelhos? Elas carregam toda a programação, com as informações e processos que devem ocorrer para que o equipamento funcione. O trabalho da empresa poços-caldense é projetar essas placas, de acordo com a necessidade dos clientes, e fabricá-las.

Publicidade

A Embtech atende grandes companhias como a Prática, do ramo de fornos profissionais, que patrocina o reality “Que Seja Doce”, do canal GNT, e já teve seus produtos em edições do Master Chef (Band) e Hell’s Kitchen (SBT). “Somos muito fortes no ramo de food service, para compor máquinas e equipamentos como fornos de panificação, de gastronomia, da linha profissional, utilizados em restaurantes, hotéis e hospitais, por exemplo”, explica a diretora geral, Vanessa Miguel.

Setor de montagem PTH faz parte do processo de fabricação e teste

O nome vem de embedded technology, termo que significa “tecnologia embarcada”. O diferencial da Embtech são os projetos com inovação tecnológica e o fato de fabricar apenas as placas eletrônicas projetadas e desenvolvidas pela própria empresa, ao contrário das maiores montadoras, que não possuem processos flexibilizados. “A pessoa tem uma ideia, a gente faz. Agregamos valor, competitividade e diferencial através de inovação tecnológica aplicada a novos produtos”, resume Vanessa.

História

O processo para chegar a este nível de excelência começou lá em 1995, em uma empresa de Tecnologia da Informação (TI). Era a Renatec, fundada por Renato Eduardo Miguel, que hoje é presidente e diretor de pesquisa, desenvolvimento e inovação da Embtech.

Em 2004, os sócios perceberam a chance de entrar no ramo de automação e fundaram a Embtech. Na época, a produção era de apenas 30 placas por mês, em processos manuais. Hoje, a linha de produção é automatizada e tem capacidade para montar cerca de 20 mil componentes por hora.

Vanessa conta que história da Embtech começou em 1995

Com a chegada de uma empresa investidora, em 2010, a expansão foi ainda mais intensa. A sede saiu do Centro de Poços de Caldas e foi para o Country Club, com o investimento em máquinas que estão nas principais corporações deste ramo no mundo.

Hoje, a Embtech atende clientes de todo o país e também atua na área de Internet Of Things (IOT), que é a conexão de objetos cotidianos com a internet. Assim, é possível que um microondas esteja constantemente sendo avaliado por um programa de assistência técnica, para que o usuário saiba quando deve fazer uma manutenção preventiva ou trocar uma peça específica.

Para saber mais, é só seguir a Embtech no Facebook ou Instagram (@embtech).

Publicidade