Publicidade
Corregedor deve zelar pelo cumprimento do Código de Ética e Decoro Parlamentar (foto: Câmara de Poços de Caldas)

O  vereador Marcelo Heitor (PSC) foi eleito corregedor da Câmara, durante a segunda sessão ordinária que aconteceu na última terça-feira (12). O parlamentar recebeu unanimidade dos votos e estará à frente do cargo no ano de 2019.

Marcelo Heitor assume a Corregedoria no lugar do vereador Joaquim Alves (MDB), que ocupou o cargo nos últimos dois anos. “Recebi a indicação dos colegas com bastante alegria e após a eleição fiquei muito feliz pela unanimidade dos votos, ou seja, o apoio de todos os vereadores. A presença do corregedor na Câmara é muito importante, é preciso sempre observar o cumprimento do Código de Ética a fim de termos uma atuação transparente, um posicionamento ético, com ordem e decência. A expectativa é realizar um bom trabalho, no que diz respeito às atribuições do cargo, e acredito que o bom andamento dos trabalhos vai continuar. Estou muito honrado com a escolha e quero atender à expectativa de todos”, ressalta.

Publicidade

De acordo com o que estabelece o artigo 5º do Código de Ética e Decoro Parlamentar, instituído através da Resolução n. 587/96, a votação para corregedor ocorrerá sempre na segunda sessão do ano e a duração do mandato é de um ano, permitida a recondução para o período subsequente. Compete ao corregedor, entre outras atribuições: zelar pelo cumprimento do Código de Ética e Decoro Parlamentar; corrigir os usos e abusos dos vereadores, promovendo-lhes a responsabilidade; autuar possível representação nos termos do Código de Ética, emitindo seu parecer e indicando as providências a serem tomadas pela Câmara.

*Com informações da assessoria de imprensa da Câmara

Publicidade